A maior geradora de energia limpa e renovável do planeta

Tecnologia
Logomarca do primeiro bairro público inteligente do Brasil será escolhida pela população
Tamanho da letra
16/11/2020
Quem vai dar cara ao Programa Vila A Inteligente é a própria população de Foz do Iguaçu e região, com a escolha da logomarca que representará a iniciativa. A votação on-line foi aberta nesta segunda-feira (16), com quatro opções. A escolha vai até às 18h (horário de Brasília) de sexta-feira (20) e, par participar, basta acessar este link bit.ly/logoVilaAInteligente. A opção mais votada será utilizada em toda a divulgação do programa que vai transformar a Vila A no primeiro bairro público inteligente do Brasil. 
 
 
A previsão é que a entrega da primeira fase do Vila A Inteligente aconteça ainda na primeira quinzena de dezembro. A instalação das tecnologias foi iniciada no início de novembro, quando começaram as obras civis necessárias para os semáforos inteligentes que ficarão nos quatro principais cruzamentos do bairro. 
 
Nesta primeira fase, também serão implantados pontos de ônibus inteligentes, câmeras de monitoramento de placas, luminárias com reconhecimento facial e o Centro de Controle de Operações (CCO), onde serão monitoradas todas as tecnologias.
 
"Todos os esforços que estão sendo feitos para concretizar o Vila A Inteligente têm o intuito de promover o bem-estar da população de Foz do Iguaçu. Para nos tornamos referência para o Brasil. Por isso, a participação da comunidade vai ser fundamental em todas as etapas, desde a escolha da logomarca até as considerações sobre as tecnologias que serão instaladas futuramente", afirma o diretor superintendente do Parque Tecnológico Itaipu, general Eduardo Garrido.
 
Vila A Inteligente
 
O Programa Vila A Inteligente é uma iniciativa do Parque Tecnológico Itaipu - Brasil (PTI-BR) e da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), em parceria com a Itaipu Binacional e a Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu.
 
O bairro será um espaço de testes e validações de soluções de cidades inteligentes, que têm como objetivo a melhoria da qualidade de vida da população. Por isso, o envolvimento dos moradores é fundamental em todo o processo. O objetivo é estender a outros bairros da cidade e até mesmo para outras regiões do País. O ambiente de testagem de tecnologias será um atrativo para empresas nacionais validarem suas soluções e, com isso, Foz do Iguaçu ganha também por meio da geração de emprego e renda.