A maior geradora de energia limpa e renovável do planeta

Responsabilidade Social
Livro retrata a trajetória de 40 anos do Hospital Costa Cavalcanti
Tamanho da letra
01/11/2019

A direção do Hospital Ministro Costa Cavalcanti (HMCC) lançou, na tarde desta sexta-feira (1º), em Foz do Iguaçu, o livro Uma trajetória de cuidados – 40 anos salvando vidas. A obra celebra os 40 anos da instituição, completados no último mês de julho, e os 25 da Fundação Itaiguapy (instituição responsável pela gestão da unidade hospitalar), no último dia 26 de outubro.


Rogério Böhm, Luiz Felipe Carbonell e Fernando Cossa. Foto: Rubens Fraulini/Itaipu Binacional.

“Este livro simboliza cada tijolinho que várias pessoas colocaram para construir a obra monumental que é este hospital. E também representa a nova história que começa com o investimento que Itaipu está promovendo (de R$ 64,7 milhões) para torná-lo cada vez melhor no atendimento à população de Foz do Iguaçu”, afirmou o diretor de Coordenação da Itaipu (mantenedora do hospital), general Luiz Felipe Carbonell, que representou na solenidade o diretor-geral da binacional, general Joaquim Silva e Luna.

A obra foi idealizada ainda na gestão do então diretor-superintendente do HMCC, Rogério Soares Böhm, hoje chefe da Assessoria de Planejamento da Itaipu e que dedicou 15 anos de sua carreira ao hospital. Emocionado, ele agradeceu pela dedicação e comprometimento dos colaboradores e de todos aqueles que contribuíram para que o HMCC se tornasse uma referência regional no atendimento hospitalar.

“Achamos que seria interessante contar um pouco de toda essa trajetória de cuidados com a saúde em Foz do Iguaçu, mostrar um pouco como funciona o hospital e como ele está se preparando para o futuro”, resumiu Böhm.

O atual diretor-superintendente, Fernando Cossa, enfatizou os principais números do hospital, que hoje conta com 400 médicos, mais de 1.100 colaboradores e que, há 25 anos, passou a atuar também no atendimento à população de Foz do Iguaçu, tanto no atendimento particular, por meio de convênios e a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). Até então, o hospital atendia os trabalhadores que atuaram na construção da usina de Itaipu.

“Agradecemos também à diretoria da Itaipu pela sensibilidade de viabilizar esse investimento que irá garantir a sustentabilidade do hospital no longo prazo. Nos próximos três anos teremos importantes ampliações das instalações, que vão melhorar ainda mais a qualidade de nossos serviços”, destacou.

Com o investimento previsto, de R$ 64,7 milhões, o HMCC irá aumentar o número de leitos dos atuais 202 para 260 e, posteriormente, para 280. A área construída, de 25 mil metros quadrados (m²), ganhará outros 12 mil m², além da reforma de 8 mil m² da estrutura atual. Também está prevista a contratação de mais 200 profissionais.

Durante o lançamento, o diretor Fernando Cossa quebrou o protocolo e fez entregas de exemplares do livro ao Dr. Luiz Rene Sarraf (representando os médicos), à funcionária do serviço de nutrição Dilma Rodrigues (em nome dos demais colaboradores), à jornalista Deborah Black Nascimento (responsável pela organização da publicação), e ao idealizador do projeto, Rogério Böhm.

A solenidade foi realizada no Centro Clínico do HMCC e contou com a presença dos integrantes da diretoria e dos conselhos fiscal e curador do hospital, diretores da Itaipu, vereadores e o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Antônio Sadi Buzanelo.