A maior geradora de energia limpa e renovável do planeta

Energia
Itaipu e IHA vão aprofundar a cooperação técnica em áreas estratégicas
Tamanho da letra
09/02/2018

A Itaipu Binacional e a Associação Internacional de Hidroenergia (IHA, em Inglês) vão incrementar a cooperação em diversas áreas estratégicas para a produção de energia hidroelétrica. A informação é do diretor-geral brasileiro, Luiz Fernando Leone Vianna, que nesta semana participou pela primeira vez, em Londres, na qualidade de conselheiro, de uma reunião do conselho da IHA, entidade que representa empresas e organizações do setor hidroelétrico mundial.

Atualmente, a IHA trabalha com 19 temas estratégicos, nas áreas técnica, meio ambiente e social, negócios e no desenvolvimento de políticas internacionais relacionadas à gestão de recursos hídricos, pegada hídrica, energia limpa e integração regional de sistemas de transmissão.

Uma das áreas prioritárias para a Itaipu junto à IHA é a de modernização tecnológica, uma vez que a binacional está iniciando um processo de atualização dos sistemas ligados a suas 20 unidades geradoras. Como a maioria das grandes usinas do mundo tem aproximadamente a mesma idade, as questões relacionadas a esse processo (do ponto de vista financeiro, técnico e operacional) são desafios comuns às hidrelétricas de grande porte.

“Nossa parceria com a IHA não foi apenas renovada como será aprofundada. Nossa intenção é continuar participando desse trabalho de pesquisa e de defesa da hidroeletricidade no mundo”, afirmou Vianna.

Para o CEO da IHA, Richard Taylor, a Itaipu representa um caso de sucesso e uma referência internacional no campo da hidroeletricidade. “A Itaipu é única de muitas maneiras. Há uma riqueza de experiências na produção de energia limpa e renovável; no desenvolvimento regional; aspectos econômicos, sociais e ambientais; e inovação técnica que vai além da geração”, afirmou.

A associação

A IHA é uma organização sem fins lucrativos que pesquisa e compartilha estatísticas e conhecimentos sobre hidroenergia, e que reúne organizações públicas e privadas, concessionárias, agências, consultorias e instituições ligadas a produção de energia de base hídrica. Os associados da IHA estão ativos em mais de 100 países. A rede internacional da associação inclui 107 organizações-membros e outras 50 organizações parceiras, incluindo agências governamentais, instituições acadêmicas, fornecedores de equipamentos, bancos de fomento e a Organização das Nações Unidas (ONU).

A IHA mantém um extenso banco de dados sobre a hidroenergia no mundo e promove, a cada dois anos, o Congresso Mundial de Hidroeletricidade. Participam do conselho da entidade algumas das principais empresas do mundo nesse campo, tais como a EDF (França), Três Gargantas (China), General Electric (EUA), ENGIE (Brasil),Hydro Quebec (Canadá),Voith (Alemanha), além da Itaipu Binacional.