A maior geradora de energia limpa e renovável do planeta

Gazeta do Povo - PR
Foz do Iguaçu ganhará polo astronômico
Tamanho da letra
19/01/2009

Moradores e turistas de Foz do Iguaçu, no Oeste do Paraná, ganharão em breve mais uma atração. Em cerca de dois meses, um polo astronômico, com planetário, observatório, sala de aula e biblioteca, deve ser inaugurado na Usina de Itaipu.

Quem passa pelo Parque Tecnológico de Itaipu já pode ver as duas cúpulas do complexo, ainda em construção. Uma delas, de cor clara, abrigará o planetário, enquanto na outra, metálica, funcionará o observatório.

“No planetário, o visitante vai ter a condição de ver uma simulação do céu estrelado em qualquer região da Terra e em qualquer época – 100 anos atrás, 100 anos à frente, nós podemos dar esse céu a ele”, explicou Janer Vilaça, coordenador do polo astronômico, ao telejornal Bom Dia Paraná, da RPC TV. “Já no observatório, ele vai ter a condição de ver o astro diretamente, olhando no telescópio. Com o olho na ocular, vai poder ver luas, planetas, galáxias, nebulosas, estrelas...”.

 

Ao todo, serão quatro telescópios, um deles com potência para aumentar em mais de 500 vezes a imagem. De acordo com o Bom Dia Paraná, todos os equipamentos já foram comprados, e o valor da obra já passa de R$ 1 milhão.

 

O polo também terá sala de aula e biblioteca, e um clube astronômico será criado para que ocorram reuniões todas as semanas. “A gente pretende que professores da área de biologia, de geografia e todas as ciências que tenham a ver com astronomia possam vir aqui”, disse Vilaça.

 

A previsão é que a inauguração aconteça em 60 dias. Durante os primeiros meses de funcionamento não será cobrado ingresso dos visitantes.