A maior geradora de energia limpa e renovável do planeta

Apresentação
Tamanho da letra

O sub-programa Carapa Ypoti faz parte do Plano Estratégico da Itaipu Binacional. O desenvolvimento de suas atividades ocorre por meio do programa Cultivando Agua Porá, iniciativa modelo de gestão de bacias hidrográficas que contempla toda a bacia do Rio Paraná III.

O nome Carapa Ypoti, do guarani águas limpas, expressa o objetivo principal do projeto. Para isso, busca recuperar a qualidade dos recursos hídricos de toda a bacia do Rio Carapa, sejam águas superficiais ou subterrâneas.

O mau uso e a contaminação potencial e atual do rio constituem-se um sério problema às populações assentadas na bacia, o que torna o tema motivo de preocupação da Itaipu Binacional, atenta também ao fato de seu reservatório ser o destino final das águas do Rio Carapa.

Os trabalhos de proteção e conservação do meio ambiente, conciliando a produção agropecuária, tem sido um dos principais aspectos trabalhados pelo programa junto a produtores rurais e comunidades inteiras, tendo em conta a nova missão institucional da Itaipu, que é gerar energia com responsabilidade socioambiental.
            
O sub-programa Carapa Ypoti tem como um dos seus fundamentos mais fortes o reconhecimento de que, sem o envolvimento dos membros da comunidade em que atua, os resultados serão sempre de limitado alcance e a durabilidade incerta.

A direção do Carapa Ypoti tem também como certo que, sem uma demonstração de elevado grau de capacidade para obter resultados convincentes, pequenas serão suas possibilidades de assegurar uma efetiva participação da comunidade.

A Secretaria de Meio Ambiente da Presidência da República do Paraguai considera o sub-programa Carapa Ypoti uma referência positiva não apenas para a área de influência de Itaipu, mas também um marco de trabalho cooperativo cuja metodologia pode ser aplicada em outras regiões do país.

Conteúdo Relacionado
Não existem arquivos disponíveis.